Seja bem-vindo(a) ao espaço que pretende ser, simultaneamente, depósito de memória e elemento catalisador de união entre os Sampedrenses.
Ao contrário do que o nome possa fazer transparecer, não se trata de uma associação que exija vinculo por quotas, mas sim, de um grupo de sampedrenses que pretendem, com a sua união, ver nascer uma tradição que querem fomentada e implementada por todos.

Viva SÃO PEDRO DE RIO SECO


Novamente no ar. Desculpem a demora. Grato pela fidelidade.

31 de julho de 2012

Nossa Senhora do Bom Sucesso

Estimados Sampedrenses, amigos leitores e visitantes

Nª Srª do Bom Sucesso As “Festas Grandes” de São Pedro de Rio Seco realizam-se anualmente, no penúltimo fim-de-semana do mês de Agosto (dia móvel).

Trata-se de uma festa em honra de Nossa Senhora do Bom Sucesso.

As festas, tal como na maioria das aldeias desta região e provavelmente de todo o país, são compostas por duas vertentes. Uma mais popular e pagã, que abrange, sobretudo, as actuações de grupos musicais, a banda filarmónica, comes e bebes, as arrematações, o fogo de artifício, a garraiada,os jogos tradicionais,...

À festa, que se prolonga por quatro dias, junta-se ainda a vertente religiosa. No primeiro dia "da festa", sábado realiza-se a Eucaristia, seguida de procissão das velas, pelas ruas da aldeia, levando-se em ombros o andor da homenageada e as diversas bandeiras e guiões, transportadas pelos mordomos ou por populares voluntários, desde a capela até à Igreja Matriz.

Também no Domingo se realiza a Missa Solene com sermão, na Igreja Matriz e na Segunda-feira realiza-se a Missa e a procissão do adeus a Nossa Senhora, com o seu regresso à capela.

Dois acontecimentos são verdadeiramente marcantes nestas nossas festas; o futebol masculino entre as equipas dos solteiros e casados e o futebol feminino de igual modo entre solteiras e casadas.

As festividades são organizadas por uma comissão, composta por descendentes ou pessoas com ligação à freguesia, que, para além de serem os responsáveis pelas festividades a decorrer, têm por obrigação nomear os mordomos do ano seguinte.

Pela aldeia são distribuídas várias bandeirinhas a anunciarem a festa. NormalmenteWooden-Signs também a capela “residência oficial da Senhora do Bom Sucesso” bem como a torre da igreja têm os contornos delineados com centenas de lâmpadas que dão um brilho especial nas noites de festa. A mordomia já se encontra no terreno a angariar fundos para tal.

As festas são marcadas para coincidirem com o período de férias laborais, pelo que a aldeia se enche de migrantes e emigrantes, que com a sua presença valorizam este grande evento.

Os mordomos deste ano são: José Carlos da Rocha Marques Fernandes, Maria Teresa Alves Lopes da Cunha, Sílvia Catarina Alves Marques, Isélio Pereira Loureiro, Teresa de Jesus Ferreira, Isélio Ferreira Pereira, Jennifer Ferreira Pereira, Filipe Pereira Loureiro e Adriana Loureiro.

A mordomia, à semelhança de anos anteriores, dedicará todo o seu empenho e esforço para/e na realização das mesmas, contando com a presença do maior número de pessoas.

Viva SÃO PEDRO DE RIO SECO

Um forte abraço deste Sampedrense convicto

Citrus Sénior

Sem comentários: